As duas formas – dar-mos e darmos – existem na Gramática Portuguesa, ambas as palavras estão corretas e são formas do verbo dar. Devem ser usadas em diferentes situações.

Darmos e dar-mos são expressões que, mediante a pronúncia, não nos apresentam nenhum aspecto divergente daí a dúvida que causa. São palavras homófonas.

Dar-mos corresponde a contração de “dar-me os”, aonde “me” é um pronome pessoal caso oblíquo que significa “para mim”. No entanto, esta forma é incomum de ser utilizada.

Ex: Você poderia dar-mos?

Darmos corresponde à forma plural da primeira pessoa do infinitivo impessoal do verbo dar.

Ex: Foi combinado que é para darmos nós o presente.