As duas formas – e está – existem na Língua Portuguesa mas na condição “informal ou coloquial” para o termo .

Ou seja, a forma correta e recomendada é está; tá é a forma aferética de está.

Assim, o termo é usado como forma aferética (muito comum na linguagem falada) de está.

Se for pelo menos 30%, tá bom!
Tá me ouvindo?

Está é a terceira pessoa do verbo estar no presente do indicativo; indica condição temporária.

ele; ela; você [ está ]

Ela está doente.
Ninguém está livre de cometer erros gramaticais.
Se for pelo menos 30%, está bom!


E como interjeição?

Sim, ambos os termos são também usados como interjeição com os seguintes sentidos:

Tá!, Tá? :: expressa concordância; exprime assentimento; expressa o desejo de concordância

É sinônimo de tá bem, tá bom, tá falado, tudo bem, certo, de acordo, sim, falou, hum-hum etc.

Está! :: expressa saudação e contactabilidade ao telefone; alô


Referências

Tá é a forma aferética de estar.
Está advém do verbo estar.