As duas formas ajudá-lo e ajuda-lo estão corretas, contudo seus significados são diferentes.

Ou seja, ambas as palavras estão corretas e são formas verbais do verbo ajudar com o pronome oblíquo átono “o” que assume a forma lo depois do verbo quando este termina em “r, s ou z” (ao mesmo tempo que a terminação verbal é suprimida) mas empregues em diferentes tempos verbais.

Ajudá-lo, com acento agudo na vogal “a”, é referente ao infinitivo do verbo.

o ajudar = [ ajudá-lo ]

Talvez possa ajudá-lo com o outro problema.
Se isso for verdade, podemos ajudá-lo.
Deves ajudá-lo, dizendo-me o que aconteceu.
Eu estava a ajudá-lo a fazer filmes.

Obs:
infinitivo – transmite ideia de uma ação ou estado, porém sem vinculá-la a um tempo, modo ou pessoa específica

Ajuda-lo, sem acento gráfico, é referente à segunda pessoa do singular do indicativo do verbo.

tu [ ajuda-lo ]

É uma flexão menos usada mas válida.

Tu ajuda-lo a aprender?
Ajuda-lo nisso, ok?

Temas: