As duas formas ajudá-la e ajuda-la estão corretas, contudo seus significados são diferentes.

Ou seja, ambas as palavras estão corretas e são formas verbais do verbo ajudar com o pronome oblíquo átono “a” que assume a forma lo depois do verbo quando este termina em “r, s ou z” (ao mesmo tempo que a terminação verbal é suprimida) mas empregues em diferentes tempos verbais.

Ajudá-la, com acento agudo na vogal “a”, é referente ao infinitivo do verbo.

a ajudar = [ ajudá-la ]

Estou a ajudá-la porque ela precisa.
Eu quis ajudá-la e não pude.
Podes ajudá-la com a arrastadeira, por favor?
Neste caso,… só você pode ajudá-la.

Obs:
infinitivo – transmite ideia de uma ação ou estado, porém sem vinculá-la a um tempo, modo ou pessoa específica

Ajuda-la, sem acento gráfico, é referente à segunda pessoa do singular do indicativo do verbo.

tu [ ajuda-la ]

É uma flexão menos usada mas válida.

Por favor, ajuda-la a vestir-se com estas belas roupas e sapatos.
Ajuda-la nos estudos, ok?

Temas: